Proibido uso de telemóveis

Telemóveis – A medida será implementada no próximo ano lectivo no ensino primário, básico e secundário. Será permitido levar o telemóvel para a escola mas não usá-lo. Isto deverá acontecer em França. Que tal seguir este exemplo em Moçambique, também?

Até à hora da saída, nenhum aluno terá autorização para usar ou pegar no telemóvel. Isto é o que acontecerá nas escolas primárias, básicas e secundárias em França já a partir de Setembro de 2018.

A medida, que se aplicará aos jovens entre os seis e 15 anos, foi anunciada na segunda-feira da semana passada pelo ministro da Educação francês, Jean-Michel Blanquer.

“Às vezes precisamos do telemóvel por razões educacionais, para situações urgentes, mas a utilização tem de ser de alguma forma controlada”, defendeu o ministro em entrevista à RTL rádio, que acredita que a medida é uma “mensagem de saúde pública para as famílias”. “É bom que as crianças não estejam frequentemente à frente de ecrãs antes dos sete anos”, acrescentou.

Ainda não se conhece ao certo como a decisão será colocada em prática, no entanto, e apesar de não puderem mexer nos telemóveis, as crianças podem levar o dispositivo para a escola. Seja em aulas ou nos intervalos, não os vão poder usar, só o estão autorizadas a fazê-lo quando saírem do estabelecimento.

A proibição estava prevista no programa eleitoral de Emmanuel Macron, apesar de algumas escolas já terem implementado esta medida por iniciativa própria.

“Na reuniões no ministério, deixamos os telemóveis em cacifos trancados. Parece-me que é algo que qualquer grupo de humanos conseguem fazer, incluindo uma turma”, justificou o Blanquer em Setembro desta ano.

Redacção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trocar »